Para indicar o vice em uma chapa majoritária, um partido da oposição terá que abrir mão de reeleição de vereador


Redação

Faltando poucos dias para o encerramento das convenções partidárias, os partidos continuam se movimentando nos bastidores de Rosário Oeste para articularem suas respectivas chapas majoritárias fazendo alianças para apresentar à sociedade rosariense nomes fortes de candidatos a prefeito e vice -prefeito. 

De acordo com informações extra-oficiais dois partidos de oposição já teriam fechado um pré- acordo durante o período de pré-campanha para que este indique o candidato a vice  de um empresário, que é pré-candidato a prefeito, porém para a aliança ser selada, a exigência seria que este partido deveria abrir mão da reeleição de um vereador, pois o mesmo seria uma figura não muito bem vista tanto no meio político, como também em muitos segmentos que teriam uma certa simpatia por esse pré- candidato a prefeito de um grupo oposicionista.

Essa exigência tem gerado alguns conflitos internos em um outro partido da oposição ao qual estes vereador faz parte, pois o seu "criador" que seria o indicado da sigla para ser vice do empresário (pré-candidato a prefeito) não abre mão de ter a sua "criatura" do seu lado. 

O Rosário Notícias está apurando mais algumas informações e recentemente este vereador foi removido de alguns grupos de Wathssap de Rosário Oeste por não estar seguindo as regras dos mesmos e ofendendo verbalmente algumas pessoas que discordavam do seu posicionamento e que criticassem o seu comportamento nas redes sociais.

Mais informações sobre este assunto a qualquer momento e quais seriam estes dois partidos que estão tendo um conflito interno, se ficam ou boicotam o vereador "Brutus" de uma eventual aliança entre estas duas partidárias que terminam com a letra B na abreviação de suas nomenclaturas.

Postar um comentário

0 Comentários