Prefeitura comunica encerramento das atividades do Centro de Atendimento Para Enfrentamento à Covid-19


Assessoria de Imprensa

 

Os profissionais da saúde que acompanharam a evolução da pandemia do novo Coronavírus (Covid 19) no município de Rosário Oeste, atuando na linha de enfrentamento e cuidados diretos aos pacientes infectados, participaram do encerramento das atividades do Centro de Atendimento, nesta segunda-feira (02/05).

O prefeito Alex Berto lamentou as vidas perdidas para a covid-19 no município, e destacou a dedicação dos profissionais que atuaram na linha de frente, sendo eles técnicos de enfermagem, enfermeiros, médicos, fisioterapeutas e os fiscais que foram para as ruas, com rondas diuturnamente em estabelecimentos, espaços públicos e outros pontos.

Reconhecimento foi a palavra utilizada pelo prefeito Alex Berto para definir o ato em frente à unidade que foi referência nas ações de enfrentamento à Covid-19 no município, desde o começo da pandemia.

"O nosso Centro Covid cumpriu brilhantemente o seu papel, a sua missão, e agora nos cabe reconhecer o trabalho de tantos profissionais das mais diversas áreas que arriscaram suas próprias vidas para salvar a dos outros. Eles se dedicaram grandemente, com determinação, muitos se afastando de suas próprias famílias, tiveram empatia e salvaram inúmeras vidas", ressaltou prefeito.

 

" O Centro de Atendimento à COVID19 foi uma estrutura importante durante a fase crítica da pandemia, no entanto com a diminuição da demanda de atendimento tornou-se necessário rever a funcionalidade do mesmo que estava cada dia mais ocioso. Por este motivo, reorganizamos o fluxo dos atendimentos de sintomáticos respiratórios para as Unidades de Saúde. Quero agradecer ao prefeito Alex Berto, não mediu esforços para manter o Centro de Atendimento á Covid19 em funcionamento, e a todos os profissionais que ali trabalharam de forma ímpar, com muita dedicação, fazendo parte da nossa linha de frente contra o coronavírus, um trabalho que gerou resultado", afirmou o Secretário de Saúde, Anderson Rodrigo.

Postar um comentário

0 Comentários