Advogada Drª Mirian Ribeiro consegue no STF anular aposentadoria compulsória de Juízes de MT

 

NCC TV Web


A advogada de Primavera do Leste, Drª Mirian Ribeiro R.de Mello Gonçalves conseguiu, por meio de competentes ações, no Supremo Tribunal Federal, anular a aposentadoria compulsória de cinco juízes de Mato Grosso que foi determinada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ),sendo eles : Antônio Horário da Silva Neto (MS 28801), Marcos Aurélio Réis Ferreira (MS 28892), Juanita Cruz da Silva Clait Duarte (MS 28802), Maria Cristina Oliveira Simões (MS 28743). 

Todos eles foram aposentados compulsoriamente há cerca de 12 anos atrás, em processo administrativo, pelo Conselho Nacional de Justiça, processo este em que, por meio da atuação da profissional, mostrou-se não ter ocorrido qualquer ato ímprobo.

Nesta terça- feira (08), os juízes que foram aposentados compulsoriamente  pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) foram inocentados das acusações de atos ilícitos junto à magistratura e já estão aptos a retornarem as suas atividades.

Em julgamento um pouco mais acalorado a advogada Dr. Mirian que defende 4 dos cinco juízes, conseguiu uma importante vitória para os seus clientes no STF  e assim vencendo a queda de braço com CNJ.

Postar um comentário

0 Comentários